Como visitar Veneza gastando pouco

13

Quem nunca sonhou em conhecer Veneza? Mas sobretudo como visitar Veneza sem gastar fortunas, já que é uma cidade muito cara.

Unica em seu gênero, é uma das cidades mais visitadas do mundo, com gente de todas as partes do planeta e de todas as idades. Pena que é um destino muito caro, o que impede muitas vezes o turista a procurar hospedagem em Veneza, sendo obrigado a optar por ficar em lugares mais distantes como Mestre, ou fazendo um bate e volta de outra cidade próxima. Sem falar na parte gastronômica, que além de ser hiper cara, na maioria dos casos não oferece qualidade.

Dicas supimpas de como visitar Veneza gastando pouco!

Nessa minha última viagem a cidade, decidi que iria procurar hospedagem em Veneza bem pertinho da maravilhosa Praça de San Marco, mas cada vez que eu via os preços dos hotéis, renunciava, não entrava no meu orçamento, € 140 a diária de um hotel 2 estrelas!
Quando eu estava quase desistindo de ficar no centro histórco de Veneza e optando por um lugar mais afastado, um amigo me indicou um lugar que alugava quartos bem pertinho da basílica de São Marco. No começo a idéia não me convenceu muito porque teria que dividir o banheiro com outras pessoas, pra mim o banheiro no quarto é fundamental. Mas ele me falou tão bem do Boutique San Marco, dizendo que tinha sempre uma pessoa presente no apartamento cuidando de tudo e que os banheiros eram limpos, que terminei arriscando.

Chegando no apartamento, fui recebida muito bem por Anete e seu filho, que são os proprietários. Me mostraram meu quarto (peguei um privado), que por sorte ficava bem em frente a um dos banheiros (já gostei da coisa),  me deram as chaves da porta do prédio, do apartamento e do meu quarto.
O apartamento tem 2 quartos para quem está viajando sozinho, 1 para casal ou 3 pessoas, 1 para 8, outro para 5 e 2 banheiros. Tem um quarto feminino e um misto. Os ambientes eram limpos e bem cuidados. Era possível utilizar a cozinha, cozinhar e deixar alimentos na geladeira. Achei uma ótima opção de hospedagem em Veneza.

hospedagem em Veneza

Boutique San Marco

A única coisa que reclamei, foi a falta de um armário com cadeados para quem se hospeda no quarto com mais pessoas, mas me explicaram que estão providenciando, porque ainda não deu tempo de colocar tudo, pois inauguraram em março e estão quase sempre lotados. Notei isso porque tive que dividir por uma noite um quarto com outra moça, aquele que eu estava sozinha, já estava reservado, mas eu já sabia disso, me avisaram quando eu reservei e, por sorte, era uma brasileira super gracinha e tranquila.

Eu paguei € 45 a diária para o quarto privado e € 35 quando dividi, os preços variam com a alta, media e baixa estação, peguei ainda um pouco da alta (mês de outubro), os meses mais caros são junho, julho, agosto e setembro e, obviamente, no reveillon e carnaval. O valor é cobrado por pessoa e por noite. Caso você não leve toalha, pode alugar lá mesmo por € 3.

Esta é uma super dica de hospedagem em Veneza, porque a localização é perfeita, ao lado da Piazza San Marco e no caminho para Ponte Rialto.

Durante minhas caminhadas, decidi que iria descobrir lugares bons e baratos para comer em Veneza. Se eu consegui superar essa tarefa difícil? Claro que sim!!! Ficando diretamente no centro histórico de Veneza por 3 dias, pude bater muita perna e descobrir mais cantinhos e novos locais para matar a fome. Conheço muito bem a cidade e sei como visitar Veneza de ponta a ponta , já passei por aqui umas 6 vezes, pois está próxima a Milão, cidade onde morei por 24 anos.

Eu já conhecia o Alfredo’s – Fresh Pasta To Go, ele é famoso internacionalmente e, por acaso e muita sorte, o apartamento onde eu estava hospedada se encontrava a 10 metros do local.

O Alfredo’s é um lugar bem pequeno, onde fazem pasta fresca ao momento, você escolhe o molho e o tipo de pasta, e em poucos minutos está pronta.

comer em Veneza

Alfredo’s – Fresh Pasta To Go

Tudo é feito na frente do cliente e servido dentro de um recipiente de papel (cone). É um fast food fresco e saudável que você pode consumir caminhando pela rua ou sentado no local, mas tem que ser sortudo, porque tem apenas 3 ou 4 banquinhos. Os preços são ótimos, as porções custam entre € 5 e € 7 sendo bem servidos, eu paguei € 6 e comi 400gr de pasta sem nem perceber. A fome era grande!
O proprietário se chama Alfredo e é uma figura, ele brinca muito com todos os clientes, fala inglês e espanhol e gostaria muito de aprender português!
O endereço do Alfredo’s-Fresh Pasta To Go é Calle De La Casseleria, 5324, abre das 12h às 20h, não tem site, mas estão no facebook.

Continuando com o percurso de onde comer em Veneza, perto do Alfredo’s, encontra-se o Rossopomodoro, é uma cadeia de restaurante presente em toda a Itália, onde fazem boas pizzas, pratos quentes e frios a bom preço, com € 25 você consegue jantar bem, claro, sem exagerar nos pratos.
O Rossopomodoro encontra-se na Calle Larga San Marco, 404/408, pertinho da Piazza San Marco.

comer em Veneza

Rossopomodoro

E pra quem gosta de peixe, como eu, tem um lugarzinho novinho novinho que faz frutos do mar e peixe frito deliciosos, se chama Acqua & Mais (mais em italiano significa milho). E se você gosta de polenta, vai poder experimentar essas delicias com ela, mas não é aquela dura, é mais mole, tipo um creme. Eles colocam a polenta dentro de um recipiente de fibra de bambú ou de poliestireno, os quais mantém o alimento quente, e por cima o peixe frito. O resultao é ótimo, pode crer! Mas se você quiser somente o peixe e frutos do mar sem a polenta, não tem problema, é servido dentro de um cone de papel.

A polenta é um dos pratos típicos de Veneza. Eu adorei tudo, o peixe e frutos do mar eram realmente frescos e deliciosos, eles compram no mercado todos os dias. Quem me serviu foi a Elisabetta (aqui na foto), a proprietária que trabalha no local com seu marido e filho.

como visitar Veneza

Acqua & Mais

Essa dica para comer em Veneza, fica mais longe da Piazza San Marco, mas é também um percurso turístico que você pode visitar. Para chegar na Acqua & Mais, é só descer toda a Ponte Rialto, quando terminar as lojas da ponte, entrar a esquerda e seguir reto, você vai chegar lá. Está situado no bairro de San Polo na Campiello dei Meloni, 1411-1412, abre das 10h às 20h30 e fecha nas segundas feiras. Os preços também são baixos, a porção menor custa cerca de € 3, mas é muito pequena, eu comi duas.

Agora que você já sabe como visitar Veneza gastando pouco, vai ficar mais fácil conhecer a cidade não é mesmo?

E se quiser aprender algumas palavras ou frases de sobrevivência em italiano, visite o post que fiz sobre este assunto: Aprendendo um pouco de italiano antes de viajar pra Itália

P.S. As dicas presentes neste post não são a pagamento, se trata de uma experiência bacana que achei interessante dividir com os leitores do blog.

 

 

Compartilhe!

Sobre o autor

Damares Lombardo

Damares está dentro do mundo de viagens desde 1987. Morou em Milão de 1990 a 2014, quando se transferiu para cidade de Colônia, na Alemanha. No momento vive na linda região de Lisboa, pertinho do mar! Aproveita sempre da facilidade de viajar pela Europa, conhecendo vários países nesse maravilhoso continente!

13 Comentários

    • Damares Lombardo
      Damares Lombardo on

      Cluadineia, dá sim, tem muita gente que faz isso, claro que vai conhecer pouco, mas vale sempre a pena, Veneza é única.
      Abs
      Damares

  1. Damares Lombardo
    Magali Quadros on

    Oi Damares. Estou lendo tudoooo do blog. E adorando. Podes enviar o post para o meu email, por favor?. Obrigada. Magali

  2. Damares Lombardo

    Damares,
    Tentei fala com o pessoal da Boutique San Marco, porém não obtive retorno. O email do post está correto? Será que teria outro meio de me comunicar com eles?

    Obrigada,
    Isabella

    • Damares Lombardo
      Damares Lombardo on

      Isabella, o email está correto. Me parece que as vezes eles demoram pra responder. Manda outro email pra eles.
      Abs
      Damares

  3. Damares Lombardo
    Patrícia Borges on

    Damares, tudo bem?
    Adorei seu blog !! vc não tem noção de como esta sendo muito, muito útil !!
    vou conhecer a tão sonhada e desejada Itália em abril de 2015.
    Irei sozinha.
    Por favor, vc pode me ajudar a montar um roteiro/cidades?
    Por onde começo? milão? roma? napoles?
    pretendo ir 07/04 ate 27/04/2015.
    Pretendo ficar em locais simples (cama/banheiro).
    Agradeço imensamente !!!!
    Um beijo
    Patrícia

  4. Damares Lombardo

    OLá. Conheci seu blog e já to adorando. Gostaria de dica de hotel e aonde ficar em Milão no melhor estilo BBB. Obrigada e sucesso!

  5. Damares Lombardo

    As dicas que li aqui foram muito boas! Visitamos o Acqua & Mais e vale muito a pena, além de estar localizado numa área de bastante circulação, com muitas coisas para ver. Com tempo bom, é possível comprar a comida pra levar e sentar numa praça pra comer mais tranquilamente.
    Dois em dias em Veneza no inverno não tem como dar errado. Poucos turistas e estando bem informado, dá pra aproveitar sem gastar muito.

  6. Damares Lombardo

    Olá Damares, as pesquisas que estou fazendo no Boutique San Marco para Setembro está mais de 100 euros a diária, seria o mês? setembro é alta temporada? Obrigado, Abs.

Deixe uma Resposta