4 dias no Porto com dicas para visitar suas atrações

Nunca são suficientes poucos dias para visitar cidades encantadoras. Pra mim 4 dias no Porto deu para ter uma boa visão da cidade, mas claro que para conhecer um lugar mais profundamente não basta. Minha intenção era conhecer as atrações do Porto mais famosas, mas a cidade merece mais dias. Consegui até descobrir lindos cantinhos escondidos caminhando por suas ruas e ruelas.

Assim como Lisboa, o que não falta na cidade do Porto é ladeira, então prepare suas perninhas para caminhar.
A vantagem é que o centrão do Porto é bem aberto e as principais atrações encontram-se muito próximas, o que facilita a não ter a necessidade de apanhar meios de transportes.

Eu dividi minha hospedagem no Porto em duas zonas, primeiro fiquei 2 dias na Ribeira que está na parte baixa, os outros 2 dias me hospedei bem no centrão na parte alta.
Isso porque eu queria ter a possibilidade de acordar pela manhã (à noite também é um espetáculo com tudo em torno iluminado) com a vista da Ribeira do Porto com o Rio Douro e ficar bem perto da Vila Nova de Gaia, a cidade que está do outro lado do rio. Por sorte peguei 4 dias no Porto ensolarados, o que proporcionou panoramas magníficos a partir da janela do quarto do hotel!

        Ribeira do Porto

 

   O que ver em 4 dias no Porto

A Ribeira do Porto faz parte do patrimônio da Unesco, situada paralelo à margem do “Rio Douro”, constituída por emaranhados de becos medievais e casas perto da colina é um local sugestivo e característico para um almoço bacana em uma taverna típica ou para tomar um drink às margens do Rio Douro. Linda pela manhã, linda pela tarde, linda ao pôr do sol. Enfim, sempre linda!

Ribeira do Porto

Rio Douro - Porto

Além de caminhar às margens do rio na Ribeira do Porto, aproveite para conhecer o Palácio da Bolsa que está bem próximo. Construído entre 1842 e 1910 em pleno estilo neoclassico com muitos mosaícos e decorações que honram o passado e o presente do dinheiro dos mercadores do Porto.

Palácio da Bolsa no Porto

A sala mais importante do palácio é a Sala do Tribunal, que é usada durante visitas de chefes de estado e ocasiões importantes.
O custo do bilhete é de 10 euros para adultos e grátis para crianças abaixo de 12 anos. Para estudantes e idosos o valor é de 6,50 euros.

Se quiser ver um pôr do sol estupendo, suba na famosa ponte Dom Luis I e pegue uma parte do astro rei se despedindo, depois continue caminhando e atravesse até chegar do outro lado para pegar o resto de sua despedida. Atravessando a ponte chega-se à Vila Nova de Gaia que é considerada outra cidade. Achei bem estranho chamar de outra cidade já que está a poucos metros da Ribeira, separadas apenas por uma ponte.

Ponte Dom Luis I - Porto
Praticamente da Ribeira você vai ver a cidade de Vila Nova de Gaia do outro lado do rio. E prepare sua máquina fotografica para se deslumbrar com as belas vistas dos dois lados!

Vila Nova de Gaia é bem gracinha e às margens do Rio Douro estão também as empresas que oferecem degustação de vinho a pagamento. O valor varia de uma para outra, a média é entre 10 e 20 euros. São tantas que a escolha se faz difícil. Procure chegar entre às 17h para fazer a visita porque algumas fecham por volta das 18h. Pelo menos esta era a media dos horários no mês de outubro, quando visitei a cidade.

Vila Nova de Gaia - Porto

Para almoçar ou jantar, sugiro o pequeno mercado que fica também às margens do rio, o Mercado Municipal da Beira Rio, semelhante ao Mercado Time Out em Lisboa, mas com mais conteúdo oferece muitos stands para degustar comida preparada na hora e variada.

onde comer no Porto

Arroz de bacalhau. Meu prato no mercado municipal.

Em Gaia há também bastante restaurantes e bares, além de interessantes cantinhos escondidos para descobrir. Se quiser ver estes belíssimos murales da foto abaixo, siga os passos para chegar lá: estando às margens do rio, entre na Rua Candido dos reis e caminhe por uns 100 metros e entre na primeira a esquerda na Travessa Candido dos Reis. Os murales estão no fundo da rua (a rua é pequena).

atrações no Porto

Subindo as escadas dos murales, vire a esquerda para seguir em direção à ponte Dom Luis I e aproveite de mais um mirante para tirar boas fotos com esta abaixo.

Ribeira do Porto

Na parte alta eu fiquei na zona da Livraria Lello e rodei tudim a pé. Não fiquei em hotel, aluguei um inteiro apartamento muito bom e super bem posicionado.

A Livraria Lello é muito interessante, não só pela sua peculiaridade arquitetônica interna e por ser considerada uma das mais belas livrarias do mundo, mas também por uma anedota curiosa. A anedota remonta à escrita de Harry Potter; diz-se que a escritora J.K. Rowling, tenha pego de inspiração próprio esta livraria para escrever a saga. Além disso, algumas cenas do filme foram gravadas lá.

Visitar a Livraria Lello
Foi fundada em 1869 como Livraria Internacional Ernesto Chardron na Rua dos Clérigos, é a segunda biblioteca mais antiga de Portugal e foi projetada por um engenheiro que procurou criar uma relação contemporânea, combinando o estilo (neo) Gotico àquele Li-berty (ou Art Nouveau, estilo nascido em meados do final do século XIX).
Após a morte do proprietário aos 45 anos de idade, foi vendida a uma empresa e hoje é uma propriedade comercial do Porto. Atualmente está localizada na Rua das Carmelitas e o custo do bilhete é de 5 euros. Crianças até 3 anos não pagam.

Livraria Lello

As filas são sempre longas para visitar a Livraria Lello, mas se você comprar o voucher online irá saltar a danada da fila e entrar mais rapidamente. O bilhete custa 5 euros e poderá ser dedutível na compra de 1 livro. Não é permitida a entrada com sacolas e mochilas, o local para deixar tais objetos fica quase na esquina, a poucos passos da livraria.

Do outro lado do belo jardim (aproveite para descansar nas belas e confortáveis poltronas espalhadas pelo pequeno jardim) que fica bem em frente da Livraria Lello, está a Torre e a igreja dos Clérigos. A Torre dos Clérigos é a mais alta de Portugal, há 76 metros de altura e mais de 200 degraus que dão acesso a um privilegiado panorama do Porto. Na torre há 49 sinos. O bilhete custa 5 euros para visitar a Torre + Museu dos Clérigos. Crianças até 10 anos não pagam.

Torre dos Clérigos no Porto

Não deixe de admirar os edifícios que estão situados ao lado da torre, são muito graciosos.

4 dias no Porto - Portugal

Próximo da torre está a Praça da Liberdade, e um pouco mais adiante encontra-se a bela Estação de São Bento.

A estação foi concluída em 1903, atualmente é a estação central do Porto, é muito sugestiva e bonita. A Estação de São Bento é muito particular, não é muito grande e há uma magnífica decoração de azulejos que estão no átrio, onde encontra-se o quadro com os horários e a bilheteira.
O contínuo mosaíco concebido em 1930 por Jorge Colaço é predominantemente azul claro, narra algumas batalhas navais históricas, bem como a história do transporte marítimo.

Estação São Bento no Porto

Daqui pode se dirigir ao famoso Mercado do Bolhão que não está longe, mas infelizmente não o visitei porque estava fechado para reformas. Então segui para a igreja da Sé do Porto que fica perto da estação, de onde dá para pegar mais um lindo visual da cidade e do Rio Douro.
A Catedral do Porto foi fundada no século XII em estilo medieval, mais tarde reconstruída após 100 anos e “batizada” como igreja barroca no século XVIII.
Nesta igreja católica, em 1394, foi batizado o Príncipe “Henry The Navigator”, figura protagonista da política de todo o país, e foi onde, em 1387, o rei João I casou-se com Filipa de Lancaster, a qual mais tarde tornou-se rainha de Portugal.

Catedral da Sé do Porto

A catedral está aberta das 9h às 12h30 e das 14h30 às 19h de abril a outubro. De novembro a março fecha às 18h. A entrada custa 3 euros para adultos e 2 para crianças.

O histórico Café Majestic também fica perto das atrações anteriores. É um dos bares / cafés mais populares de Portugal e um dos melhores cafés históricos do mundo. Como os interiores, a fachada é em estilo Art Nouveau, criada pelo designer Queiroz. É uma atração turística, mas nem que seja apenas para tomar uma xícara de café, vale a pena pelo seu ambiente decorativo muito sugestivo.
O Café Majestic está localizado na Rua Santa Catarina, a principal rua de compras do Porto. Na realidade, é difícil não perceber, a fachada é realmente chamativa.

Ah, não deixe de comer uma rabanada, foi a melhor que comi até hoje em Portugal. Deliciosa!

Café Majestic no Porto

Outro lugar para pegar um pôr do sol fabuloso, é na Foz do Douro. Se estiver de carro, deixe a Ribeira e siga pela rua que margeia o Rio Douro, chega-se em apenas 10 minutos. Essa é a zona de praia do Porto com bares e restaurantes. Vale a pena pegar um pôr do sol por lá e depois curtir um jantar romântico num dos muitos restaurantes. Mas já aviso, não são muito econômicos por essas bandas.


Foz do Douro no Porto

     Onde ficar no Porto

onde ficar no Porto

Ribeira Porto Hotel

onde ficar no Porto

Vista a partir do Ribeira Porto Hotel

 

O Ribeira Porto Hotel é bem bacana e fica quase às margens do Rio Douro, oferecendo uma vista deslumbrante da Ribeira do Porto. Os quartos são bons e o café da manhã é bem servido com frutas frescas!

Sua viagem poderá será ainda mais interessante se ficar mais de 4 dias no Porto, pois a cidade oferece muito aos visitantes e as pessoas são muito calorosas.

Organize Sua Viagem Para Portugal Visitando Os Links Abaixo:

Faça seu seguro viagem com nosso parceiro e ganhe um bonus de 5% usando nosso código: KEYVIAGEM5

Reserve seu hotel aqui

Faça seus passeios em Portugal aqui

Siga Keviagem nas redes sociais
instagram
facebook
twitter

Damares está dentro do mundo de viagens desde 1987. Morou em Milão de 1990 a 2014, quando se transferiu para cidade de Colônia, na Alemanha. No momento vive na linda região de Lisboa, pertinho do mar! Aproveita sempre da facilidade de viajar pela Europa, conhecendo vários países nesse maravilhoso continente!

contato1@keviagem.com

Nenhum Comentário

Deixe Um Comentário