Cortona-Toscana

Cortona

Sabe aquele lugarzinho que você chega e não tem mais vontade de ir embora? Aquele aconchegante que te faz sentir bem em total relax e em santa paz? Estive num lugarzinho desse pela segunda vez a poucos dias atrás, e a sensação foi a mesma, maravilhosa. Cortona é uma fofura!

Vamos visitar Cortona!

Dessa vez viajei pela região da Toscana de trem para viver a experiência em primeira pessoa como é se deslocar pelas pequenas cidades por aqui sem carro. Não é impossível, mas claro que quando se trata de pequenas localidades, a coisa fica menos prática e não fácil para visitar mais cidades num só dia.

Cortona

Cortona

Quando cheguei na estação de Cortona, esperei uns 15 minutos o ônibus que leva até a entrada da cidade medieval. Até ai tudo bem. O problema é que o ônibus deixa os passageiros numa das entradas da parte baixa, e tive que subir uma ladeira com chão de pedra por 500 m puxando uma mala. Foi bem cansativo.

Viajar pela Toscana

Cortona é um pequeno burgo medieval (cidade medieval) situado a cerca de 500 metros acima do nível do mar, em uma das mais esplêndidas colinas da Toscana, na província de Arezzo. É uma das cidades Etruscas mais antigas e também protagonista do livro de Frances Mayes “Sob o sol da Toscana”, o qual virou filme, levando o lugar a ser conhecido internacionalmente. Caso você não tenha visto o filme, veja, porque a fotografia é linda.

Adoro essa cidade!

Região da Toscana

Suas vielas coloridas com antigas casas em pedra me transportaram de novo ao passado. Ver os residentes mais idosos se reunirem pela manhã e a tarde na praça principal da cidade, me fez pensar o quanto um momento assim simples possa ser tão valioso e, que eu, super metropolitana, adoraria fazer parte apenas por poucos minutos daquele encontro relaxado e harmonioso entre amigos de bate papo de praça, aquela coisa de jogar conversa fora sem pensar no tempo…

E no meio do mercado em pleno sábado as 9h da manhã, o que vejo? Um casamento com os esposos que cumprimentam os convidados no meio do povo local que está fazendo a feira do sabadão! A feira acontece bem na praça da prefeitura, então rola mesmo eventos com barracas de frutas e tudo mais. A cidade é muito procurada por estrangeiros para celebrar casamentos, principalmente pelos ingleses e americanos.

Cidade Medieval

Aqui você vai encontrar galerias de artes, lojas, bons restaurantes e ótimas cantinas para degustar deliciosos vinhos, não esqueça que está na região do famoso Brunello, pertinho de Montalcino.

Cortona

Casas em pedra

Cortona é atravessada por muitas estradas medievais e circundada pelas antiguissimas muralhas Etruscas, com um panorama deslumbrante de 180° para o vale Valdichiana, chegando até as fronteiras da Umbria, podendo avistar uma parte do Lago Trasimeno oferecendo uma visão única na Itália!

Colinas da Toscana

Caso visite a cidade, quando você estiver no centro histórico, deixe a Piazza della Repubblica nas costas e siga pela Via Nazionale até o final da rua, encontrará  à sua direita um grande terraço de onde vai poder apreciar o magnífico panorama do vale de Valdichiana com o lago Trasimeno.

Sob o sol da Toscana

Se você tiver resistência, após ter visitado o centro histórico, suba até a Basílica de Santa Margherita (Santa Margarida), a subida não é moleza, mas se eu consegui, você também consegue! Rs. E quando chegar lá em cima, o sacrifício vai ter valido a pena! Se você estiver de carro, pode subir com ele evitando a ladeira.

Cortona

O interior da igreja é rico em decoração moderna e possui preciosas obras de arte, no altar, encontra-se o corpo de Santa Margherita, colocado em uma urna de prata, construído em 1646, projetado por Pietro da Cortona.

Igreja em Cortona

Um pouco mais acima da basílica, chega-se na Fortezza del Girifalco, uma imponente fortaleza medieval com vista para Cortona, construído em 1549 pelo arquiteto Serbelloni em nome do Grão-Duque Cosimo I de Medici, hoje é muito usado para abrigar exposições de arte contemporânea. A vista daqui de cima é sensacional!

Viajar pela Toscana

região da Toscana

Cortona pode ser um ponto estratégico para se hospedar e visitar outros lugares próximos como Arezzo (28km), Montalcino (70km), Siena (72km), San Gimignano (117km), Perugia (45km) e Assis (70km).
O período melhor para visitar Cortona é de abril até metade de outubro, nos outros meses a cidade fica muito vazia, sem eventos e entretenimentos, além de fazer frio, por estar localizada em cima de uma colina.

cidade medieval

Eu recomendo a viajar pela Toscana de trem somente para as cidades maiores como Florença e Pisa. Caso não queira dirigir na Toscana, visite as cidades com excursões organziadas com preços muito abordáveis.

[caixa title=”Saiba mais”]

Toscana com passeios em Siena e San Gimignano
Tour na zona rural da Toscana
Maremma, um região deslumbrante da Toscana
Monteriggioni: um lindo burgo da Toscana

Organize sua viagem para Itália visitando os links abaixo 

Reserve seu hotel aqui
Viajando de carro, alugue aqui

Siga Keviagem nas redes sociais:
instagram
facebook
twitter

[/caixa]

Damares está dentro do mundo de viagens desde 1987. Morou em Milão de 1990 a 2014, quando se transferiu para cidade de Colônia, na Alemanha. No momento vive na linda região de Lisboa, pertinho do mar! Aproveita sempre da facilidade de viajar pela Europa, conhecendo vários países nesse maravilhoso continente!

contato1@keviagem.com

Comentários
  • Damares Lombardo

    Olá Damares.
    Estarei em Florença no Natal e minha esposa quer fazer um bate-volta para Cortona. No caso, o fariamos de trem, você acha puxado ir e voltar no mesmo dia? O que nos sugere? Obrigado e um abraço.

    29 de julho de 2014
      • Damares Lombardo

        Entendi. Na verdade, eu já comprei uma excursão que compreende Siena, San Gimignano e Pisa, portanto queria conhecer uma cidade no dia 25, aproveitando que praticamente tudo em Florença estará fechado. Lucca, você acha que seria uma boa opção?

        Obrigado pela atenção Damares.

        Abraço.

        31 de julho de 2014
          • Damares Lombardo

            Sim, mas eu tenho pensado o seguinte. Dia 25 a tarde em Florença abre para visitação a igreja Santa Maria Novella e Santa Trinità, que são belíssimas e quero muito conhecer. Então a intenção era visitar uma cidade pela manhã que fosse perto, pequena e que principalmente sua beleza fosse externa e nestes quesitos Lucca acerta em cheio. A ideia é logo depois do almoço voltar para Florença e como a estação é do lado da igreja SMN, daria certo o plano..rsrs

            1 de agosto de 2014
  • Damares Lombardo

    Olá, Damares! Ficarei 2 dias em Florença no início de maio e pensei em alugar um carro para passar mais dois dias viajando pelo interior da Toscana, fazendo o trajeto: Florença – Arezzo – Cortona – Siena – San Gimignano – Pisa Florença. Obviamente em algumas cidades serão rápidas passadas para um café e fotos, já em outras pretendo curtir mais…. o que você acha desse trajeto e quais você sugere mais atenção? Outra coisa é em relação ao clima da Toscana nessa época de primavera: ainda faz muito frio ou posso levar camisas mais leves na mala? Obrigada! =)

    6 de março de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá!!! Irei sair de Florença de trem para Perúgua, onde dormirei 2 noites. Queria fazer uma parada em Cortona, vc sabe se existe huarda volumes na Estaçao de trem?

    26 de março de 2017

Deixe Um Comentário