Siena: roteiro pra quem tem pouco tempo na cidade

Muita gente conhece Siena de passagem , o que é uma pena, mas se a pessoa não tem muito tempo e seu roteiro de viagem na Toscana inclui muitos outros lugares, a opção fica sendo essa mesmo.

Para ajudar a quem vai passar somente algumas horas na cidade, resolvi fazer um roteiro de Siena de meio período, dessa maneira, fica mais fácil conhecer o local, sabendo o que visitar em tão pouco tempo.

Siena se estende por 120 quilômetros quadrados no planalto central Toscano, entre os vales formados pelo torrente Arbia e pelo rio Elsa. A cidade é organizada, limpa, culta, elegante, charmosa e cheia de interessantes recordações do antigo passado, graças às autoridades que na Idade Média cuidaram em maneira especial de sua estética urbana.

Siena

Siena

Além disso, essa cidade nobre e gloriosa, símbolo da Comuna medieval, é famosa pela competição do Palio, uma corrida de cavalo que ocorre duas vezes ao ano: 02 de julho e 16 de agosto na Piazza del Campo. Os cavalos são montados sem sela e devem correr em volta da Piazza del Campo por apenas 90 segundos, dando 3 voltas. O evento dura pouco, mas chama a atenção do mundo inteiro.

O que vistar em Siena
Siena é visitada a cada ano por milhões de turistas atraídos pelos monumentos, pela evidência histórica e as delicias gastronômicas do lugar. Se você estiver fazendo um roteiro de viagem na Toscana e passar por aqui mesmo fazendo um tour de meio período, não deixe de experimentar o “pici”, é um tipo de spaghetti grosso feito a mão servido com molho de coelho ou javali.

Roteiro de Siena

Vamos começar nosso roteiro de Siena de poucas horas na sugestiva Piazza del Campo (Praça do Campo).
A praça há uma forma curiosa de concha, dividida em nove segmentos. No centro encontra-se uma cópia da Fonte Gaia de Jacopo della Quercia (a original é preservada no Museu de Santa Maria della Scala), enquanto um lado é fechado pelo Palácio Público, sede da Câmara Municipal e do Museu Cívico.

Do museu se acede à Torre del Mangia, 87 metros de altura construída em tijolo pelos irmãos Rinaldo. Do alto dos seus 400 degraus, você poderá desfrutar de uma vista maravilhosa da cidade, ainda muito semelhante ao panorama do final do século XIII. O nome da torre deriva da primeira pessoa (1347) que tinha como tarefa bater as horas do sino, Giovanni di Duccio, dito “Mangia”.

Descendo da torre, faça um passeio pela praça admirando sua beleza, e se o dia estiver ensolarado, faça como os residentes (sobretudo estudantes) e muitos outros turistas, sente no chão e sinta-se em casa.

Praça do Campo

Praça do Campo

Vamos pegar agora Via Pellegrini para chegar na catedral da cidade, Santa Maria Assunta, que é a “Duomo di Siena”. Definitivamente, a fachada dessa igreja há um grande impacto visivo, composta de mámore branco e preto.

A visita na catedral é a pagamento.

Catedral de Siena

Catedral de Siena

Ao entrar, não deixe de admirar o celebre piso de mármore e a riqueza das estátuas, o teto, e tudo aquilo que tem dentro dessa igreja. Esta é a igreja mais bonita que eu já visitei até hoje, ela é simplesmente única e estupenda!

O pavimento fica coberto durante a maior parte do ano para conservar melhor, e geralmente é descoberto de agosto até outubro.

catedral de Siena

o que visitar em Siena

Dentro da igreja, encontra-se a famosa Biblioteca Piccolomini, um verdadeiro tesouro de obras-primas, abriga 4 esculturas de Michelangelo Buonarroti, afresco de Pinturicchio sobre o altar, a “Madonna col Bambino” (Maria com Jesus bambino), de Jacopo della Quercia. Tem sempre um pouco de fila para entrar na biblioteca, mas não desista, porque vale muito a pena, você vai ficar estasiado de tamanha beleza.

Roteiro de viagem na Toscana
Da catedral sobe-se para o Facciatone del Duomo Nuovo, prova do sonho senese de construir a maior igreja da cristandade. A empresa não deu certo por causa da peste de 1348. Embora esta catedral nunca tenha sido terminada, suba os 130 degraus para desfrutar de uma vista maravilhosa da Torre del Mangia e do Palazzo Pubblico (Palácio Público).

E para terminar nosso roteiro de Siena, escolha um dos muitos restaurantes presentes nas vielas adjacentes à Piazza del Campo (evitem aqueles da praça, são caros e a qualidade não é o máximo), e experimentem as delicias da culinária da Toscana.

Eu almocei aqui, nesse lugarzinho simples e sugestivo. A comida estava ótima e com bom preço!

Roteiro de viagem na Toscana
Agora que você já sabe o que visitar em Siena, coloque essa linda cidade da Toscana em sua listinha!

[caixa title=”Saiba mais”]

Toscana com passeios em Siena e San Gimignano
Tour na zona rural da Toscana
Maremma, um região deslumbrante da Toscana
Cortona
Monteriggioni: um lindo burgo da Toscana

Organize sua viagem para Itália visitando os links abaixo 

Reserve seu hotel aqui
Viajando de carro, alugue aqui

Siga Keviagem nas redes sociais:
instagram
facebook
twitter

[/caixa]

Damares está dentro do mundo de viagens desde 1987. Morou em Milão de 1990 a 2014, quando se transferiu para cidade de Colônia, na Alemanha. No momento vive na linda região de Lisboa, pertinho do mar! Aproveita sempre da facilidade de viajar pela Europa, conhecendo vários países nesse maravilhoso continente!

contato1@keviagem.com

Comentários
  • Damares Lombardo

    Olá, Damares , além deste post, li, também, o específico sobre a Catedral. No site do Opa Si Pass, há o passe que você cita e um outro que inclui “Gate of Heaven”. Vale visitar “Gate of Haven” e, assim, pagar por este outro passe, que custa UER 20?

    26 de julho de 2015
  • Damares Lombardo

    leia EUR 20, por favor.

    26 de julho de 2015
  • Damares Lombardo

    Que saudades .Você desperta em cada descrição a vontade de reviver dias lindos. Parabéns .

    18 de janeiro de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá!
    Gostaria de algumas dicas sobre a feira de moves de Milão:
    Indica algum local/bairro para reservar hotel com preços bacanas;
    Sobre a inscrição, sou arquiteta, tenho que fazer alguma inscrição antes, ao somente apresentar minha carteirinha na hora;
    Fiquei sabendo que também acontece vários cursos bacanas, como faço para participar?
    Bjs.

    19 de janeiro de 2016

Deixe Um Comentário