Informações sobre Vistos e Seguro de Viagem para Europa

Viajar com um Seguro de Viagem para Europa, é uma ótima maneira de garantir sua segurança médica.

Antes de viajar para o exterior, uma das primeiras coisas a fazer é verificar o que o lugar de destino solicita para entrar no país. Se for para o Velho Continente, se informe sobre vistos mas também de seguro de viagem para Europa. Na França, por exemplo, cidadão brasileiro não entra sem o seguro de saúde.

“Clique aqui e faça seu Seguro Viagem com um bonus desconto de 5% usando nosso código: KEYVIAGEM5

O Tratado de Schengen é um acordo feito entre os países europeus com a política de abertura das fronteiras e a livre circulação de pessoas entre os países que fazem parte do tratado.

E quais são as vantagens do Espaço de Schengen? As vantagens são muitas, mas a mais interessante mesmo, é que permite a livre circulação de pessoas dentro dos países participantes do acordo sem precisar apresentar passaporte nas fronteiras. Para os cidadãos europeus, basta viajar com a carteira de identidade. Para os turistas de países que não fazem parte da Europa ou que não estão integrados no Tratado de Schengen, o documento válido é sempre o passaporte.

Os cidadãos brasileiros não necessitam de visto para entrar nos Países Europeus que fazem parte do tratado, caso estejam fazendo uma viagem de turismo por um  máximo de 90 dias.

Estes são os países integrantes do Espaço de Schengen:

Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovénia, Espanha, Estónia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Islândia, Itália, Letónia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Países Baixos, Polónia, Portugal, República Checa, Suécia, Suiça

A isenção de visto não exclui algumas exigências ao turista brasileiro para entrar nestes países, tais como:

  • passagem aérea de ida e volta com permanência máxima de 90 dias
  • comprovante de hospedagem
  • passaporte com validade superior a 6 meses
  • plano de assistência médica internacional com cobertura mínima de EUR 30.000
  • comprovante financeiro para se manter durante a estada (dinheiro ou cartão de credito internacional)

As exigências acima não são iguais para todos os países.

O Seguro de saúde internacional é obrigatório?

Quando a gente pensa em fazer uma viagem, geralmente não passa pela nossa cabeça que algo de desagradável possa acontecer,  deixando alguns fatores importantes de lado como, por exemplo, precisar  de uma assistência médica. 

Eu iria ainda mais além, faria um seguro de viagem para Europa que cobre o máximo possível das minhas necessidades, além daquele médico, também coberturas de bagagem, atraso de vôo, concierge, fiança e outros. Não sei  se esta minha maneira de pensar hoje, é devido a idade que está avançando, mas nos últimos anos, viajo cada vez mais organizada, sobretudo com seguros.

Como não podemos adivinhar os imprevistos que podem acontecer durante uma viagem, com certeza um seguro pode ser uma ótima proteção contra aborrecimentos. Alguns planos de seguro cobrem todas as depesas que, por ventura, o viajante possa necessitar.

Aqui vão algumas dicas para escolher seu seguro de viagem para Europa e outros continentes:

– Primeiro de tudo, ler atentamente o que está incluso no seguro que está contratando, é importante pra não ter que gastar horrores no país de destino

– Ao contratar um seguro viagem, preste atenção  nas coberturas que cada um oferece, e principalmente nas condições gerais da seguradora. Antes de viajar, saiba todos os modos para acionar o seu seguro, e como contactar com o atendimento da seguradora em caso de necessidade

– O seguro começa no dia de chegada no destino e termina naquele de partida. Contrate o seguro calculando que seu vôo de retorno possa sofrer atrasos com remarcação de data

– Caso necessite de um médico no exterior, telefone para o número de emergência que vai estar no seu documento do seguro, e se informe onde pode usufruir dos serviços sem precisar desembolsar dinheiro

– Caso você esteja fazendo uma viagem onde fará esportes, mesmo que não sejam radicais, pague um extra para cobrir os determinados esportes. Na Europa, por exemplo, muita gente vem esquiar, recomendo absolutamente um seguro para esta categoria

– Se você tem alguma doença, se informe se o seguro cobre despesas de doenças já existentes

– Leve em consideração o tempo da duração de sua viagem e o número de pessoas a serem asseguradas, porque isso vai ser relevante nas diferenças dos preços. Quanto maior for o valor do seguro, mais alto será o valor da cobertura. A maioria dos contratos cobre o tempo total da viagem, alguns cobrem até mesmo 90 dias

As informações abaixo foram divulgadas pela Comissão Europeia de Turismo (CET). É uma organização sem fins lucrativos com sede em Bruxelas (Bélgica), que tem como objetivo promover a Europa e suas localidades turísticas no mundo.

 Itália

O Seguro de saúde não é obrigatório, tendo um acordo bilateral de assistência médica, a qual assegura o sistema de saúde aos cidadãos da Itália e do Brasil. Mas para usufruir deste benefício, o cidadão brasileiro deve dirigir-se a um escritório do INSS local e solicitar uma declaração, onde comprova que é beneficiário do INSS, informando o período de permanência na Itália.
Caso queira saber mais informações, visite a página do blog Viaje na Viagem,  o Ricardo Feire fez um post muito mais detalhado sobre este assunto.
Comprovante de meios financeiros: A Itália exige que o turista brasileiro comprove possuir as seguintes quantias durante sua viagem no país.

  • de 1 a 5 dias – 269,60 euros (montante fixo)
  • de 6 a 10 dias – 44,93 euros por dia
  • de 11 a 20 dias – 51,64 euros (montante fixo) mais 36,67 euros por dia
  • mais de 20 dias – 206,58 euros (montante fixo) mais 27,89 euros por dia

O seguro de viagem para Europa, nem sempre é obrigatório para entrar em todos os países como vimos acima, mas é extremamente importante para a segurança do turista durante sua viagem.

[caixa title=”Saiba mais”]

Inverno: como se vestir para enfrentar  o frio no exterior
Organizando um roteiro de viagem para Europa
Europa: as vantagens de viajar de trem no Velho Continente
Viajar com vôos baratos na Europa

Organize sua viagem para Itália visitando os links abaixo 

Faça seu Seguro Viagem aqui e ganhe um desconto de 5% usando nosso código: KEYVIAGEM5

Reserve seu hotel aqui

Siga Keviagem nas redes sociais:
instagram
facebook
twitter

[/caixa]

Damares está dentro do mundo de viagens desde 1987. Morou em Milão de 1990 a 2014, quando se transferiu para cidade de Colônia, na Alemanha. No momento vive na linda região de Lisboa, pertinho do mar! Aproveita sempre da facilidade de viajar pela Europa, conhecendo vários países nesse maravilhoso continente!

contato1@keviagem.com

Comentários
  • Damares Lombardo

    Olá Damares,
    Você sabe me dizer se este valor mínimo de dinheiro tem que ser em espécie? Tenho medo de levar muito dinheiro e acontecer um imprevisto. Posso levar cartão? Mas aí, como comprovar o saldo?

    14 de agosto de 2013
  • Damares Lombardo

    Embarco dia 22 do próximo mês para Roma e a única coisa que me preocupo é sobre o comprovante de hospedagem. Já que ficarei na casa de um amigo por umas duas ou três semanas e depois procurarei um hostel. Meu amigo que é italiano disse que não precisa comprovar necessariamente a hospedagem já que eu possuo os recursos financeiros e passagem ida e volta, seguro etc. Ele estará me esperando no aeroporto e me passara seu endereço caso perguntem onde vou ficar.

    Dúvida. Posso ir tranquila ou mesmo assim corro riscos por conta deste comprovante de hospedagem?

    Se puder responder agradeço muito. Beijo

    20 de outubro de 2013
  • Damares Lombardo

    Olá Damares,
    Como é feita essa comprovação de meios financeiros? A gente apresenta o dinheiro? Pra quem? Em que momento?

    24 de novembro de 2013
  • Damares Lombardo

    Oi!
    Achei sua página pesquisando sobre a Itália.Viajo dia 28 de julho 2014. Tenho uma dúvida. Eu tenho dupla cidadania portuguesa e moro na Suécia atualmente. Meu passaporte portugues tem validade até dezembro 2014, ou seja menos de 6 meses de validade quando for viajar. Acha que terei algum problema? Seria mais seguro renovar antes da viagem?? Difícil achar essas informacoes, espero que voce possa me tranquilizar! hehe Obrigada desde já! Abs Renata

    25 de junho de 2014
  • Damares Lombardo

    Olá, estava procurando a respeito de seguros de viagens e achei seu site. Eu não sabia que pra viajar pra alguns países não precisava necessariamente do visto. Estou muito afim de viajar para a Itália, mas eu ainda não entendi muito bem como comprovar o seguro de saúde. Como faço isso? E onde eu tenho que apresentá-lo? E sobre os outros comprovantes, eles devem ser apresentados também no mesmo lugar? Espero que você possa responder minha dúvida. Beijos.

    3 de agosto de 2014
  • Damares Lombardo

    Damares

    Vou para Irlanda esse final de mês passar 35 dias, posso levar somente dinheiro em especie? Ou é obrigatorio ter o cartão internacional?

    11 de agosto de 2014
      • Damares Lombardo

        Ola! Havia pesquisado em outros lugares a quantia minima e vi em varios lugares que é 65 euros por dia. Você poderia confirmar esta informaçao? Pois viajarei apenas com dinheiro e quero correr risco.
        Desde já agradeço:)

        24 de maio de 2016
  • Damares Lombardo

    Ola, Damares , parabéns pelas dicas dadas no site.Vou passar 5 dias em Milao e amei as sugestões . Acha q vale a pena conhecer o outlet que fica em Lugano?Soube q eh melhor que o de Florenca , o que me diz a respeito? Passarei 3 dias em Florenca , serao suficientes..?. E quais as cidades próximas a Milao que valem a pena a gente conhecer? Vou viajar com parentes e locaremos carro tanto em Milao como em Florenca. Aguardo sugestoes. Obrigada pela atenção .

    13 de agosto de 2014
  • Damares Lombardo

    Olá

    Estou indo para Noruega, ficarei 5 dias.
    Preciso levar quantos euros/dia?

    agradeço sua atenção

    Tatiana

    15 de agosto de 2014
  • Damares Lombardo

    Boa tarde Damares,

    Esse comprovante financeiro pode ser ”apresentado” como um extrato bancario atualizado?
    Caso eu não consiga o cartão de credito internacional e para não andar com esse dinheiro todo em maos?
    Obrigada!

    27 de agosto de 2014
  • Damares Lombardo

    Olá Damares vou passar um mês na Frana e gostaria de saber mais sobre o seguro saúde, eu pesquisei e vi que na França esse seguro é mais em conta que no Brasil, por esse motivo estou pensando em faze-lo quando chegar na França. Minha dúvida é a seguinte: Eu posso fazer isso? O que acontece caso a polícia federa me pegue sem o seguro na entrada na França? Obrigado

    14 de dezembro de 2014
  • Damares Lombardo

    Ola,estou planejando ir a Alemanha.vou passa um mês,ficarei na casa de um amigo,mesmo assim preciso comprova rendas,

    1 de janeiro de 2015
  • Damares Lombardo

    Damares sou.portugues.vivo na irlanda do.norte tenho namorada brasileira que vira para italia casa de famelia posso buscar ela na italia para minha casa durante 2 semanas retornando a italia nos 90 dias de visto.de turista se me poder dizer algo agradeco.imenso miguel ferreira

    27 de fevereiro de 2015
  • Damares Lombardo

    Olá Damares, sou brasileira mas tenho cidadania portuguesa, minha filha está estudando em Nice-França e vou ficar por lá de 3 a 4 meses,é a primeira vez que vou entrar com passaporte português, mas não sei quanto tempo ficarei ao certo.
    Pergunto, preciso fazer um seguro saúde? Todas essas normas de quanto gasto, hospedagem e retorno são válidas para cidadãos Brasileiros com dupla nacionalidade. Você sabe se posso trabalhar por lá?
    Te agradeço.

    9 de março de 2015
  • Damares Lombardo

    Ola Damares

    Na hora de comprovar com o cartao de credito, basta apresentar so o cartao ou precisa apresentar algum comprovante do credito disponivel nele?

    9 de março de 2015
      • Damares Lombardo

        E como eles conferem que o limite do cartao è suficiente?

        10 de março de 2015
  • Damares Lombardo

    Olá Damares,

    Ficarei hospedada na Itália em casa de amigos, como comprovar a estadia neste caso. Não me ficou muito claro. Além da passagem de ida e volta, seguro saúde e dinheiro, apresento o que neste caso? Algum tipo de carta?

    9 de março de 2015
  • Damares Lombardo

    Ola, gostaria de saber se o seguro viajante é obrigatorio para a entrada no País mesmo que eu fique 14 dias na irlanda?
    So comprei minha passagem pelo site e vou me hospedar na casa de um amigo,
    preciso comprovar algo?
    Obrigada

    6 de abril de 2015
  • Damares Lombardo

    Damares, já li tudo que escreveu como dicas…..gostei!!! Mas tenho uma dúvida em valores em reais, quanto fica um seguro por 30 dias na ESPANHA?

    7 de abril de 2015
  • Damares Lombardo

    Olá! Vou viajar para Eŭropa dia 15 de Maio, chego na Inglaterra dia 16 de Maio, saio da Inglaterra dia 17 de Maio e entro no espaço Schegen por Florença. Ficarei até o dia 13 de Agosto (1 dia na Inglaterra e 90 no espaço Schegen)

    Posso fazer isso? Aliais, já fiz isso! Já comprei tudo! Estou no direito de ficar exatos 90 dias na Eŭropa? No caso 89 no espaço Schegen?

    20 de abril de 2015
  • Damares Lombardo

    Olá Damares,
    Eu e o meu namorado iremos para a Irlanda daqui 1 ano, para ficar por 1 mês, ele como estudante e eu apenas vou ‘turistar’ nesse período.
    Gostaria de saber se cada um deve ter seu próprio cartão internacional ou apenas um cartão internacional pode comprovar para os dois? Levando em consideração que iremos levar dinheiro em espécie cada um, em torno de 600 euros cada, é o suficiente para 1 mês?
    Aguardo retorno.
    Obrigada 🙂

    Abraço,
    Laís

    26 de abril de 2015
  • Damares Lombardo

    Oi, Damares. Tudo bem?
    Estou indo de mochilão com uns amigos para a Europa em julho, minha primeira vez na Europa e mil duvidas a medida que os dias passam.

    Minha primeira dúvida é que levarei uns 900 euros emdinheiro e mais uma quantia no cartão pré-pago da Visa, ele serve na hora de comprovar os recursos?
    Outra coisa, em 20 dias você teria uma estimativa de quanto levar? estou reservando cerca de 80 euros diarios, será que é o suficiente?
    E as passagens entre os países, terias uma noção do quanto eu gastarei?
    E por ultimo, o seguro…ainda não comprei, tem alguma agencia pra indicar? Em média custam quanto?

    19 de maio de 2015
  • Damares Lombardo

    Oi…Estou indo viajar para Itália em agosto, vou fica na casa de um amigo italiano, segundo ele não preciso mim apresenta na imigração, pois ele estará no aeroporto de Roma a minha espera. Não é necessário mesmo?
    E a respeito do dinheiro que tem que apresenta, posso apresenta meu cartão de debito internacional, junto com um extrato bancário?

    Desde de já agradeço!
    Att: Ivania Ricardo

    4 de junho de 2015
  • Damares Lombardo

    Olá, gostaria de saber no caso de ir pra Itália e ficar na casa de amigos e de lá pretendo ir pra Inglaterra e França, como faço esse seguro saúde pra ir pra a França já estando lá? Isso pode ser feito na Itália? A questão do comprovante do INSS eu não sou beneficiário pois sou funcionário público com previdência própria, como proceder? Em caso de militar ao alguma restrição própria? Obrigado…

    12 de junho de 2015
  • Damares Lombardo

    Damares,

    Vou pata Itália e depois alguns dias na França, se eu fizer seguro para Itália vale para europa toda ou somente na Itália, vou ter que fazer outro para França.

    14 de junho de 2015
  • Damares Lombardo

    olá estamos comprando um passeio de cruzeiro que sai de SENOVA estamos querendo chegar pelo aeroporto de MILÃO como chegar em SENOVA qual é a melhor opção de trem estamos com criança, quantas horas…

    15 de junho de 2015
  • Damares Lombardo

    olá, estou indo para a Europa em julho para passar 25 dias e ficarei na casa de uma amiga lá, como ela nunca hospedou ninguém de outro pais na casa dela, ela não sabia como seria essa carta convite, então peguei um modelo que vi na internet para se preencher os dados delas e meus, com documentos dela em anexo. foi preenchidos todos os dados assinado por ela e me enviado por e-mail.
    minha pergunta é: essa carta convite vale? para ser mostrado na imigração?

    17 de junho de 2015
  • Damares Lombardo

    Quanto posso levar em dinheiro ? Cartão de crédito internacional pré pago serve?
    Muito obrigado pela paciência e atenção !!

    30 de junho de 2015
  • Damares Lombardo

    o seguro viagem é muito caro no Brasil, e só tem cobertura maxima de um ano, eu estudarei 2 anos fora do pais, porem no dia da entrevista preciso levar o papel comprovando que terei seguro viagem, posso faze-lo apenas para o primeiro mes aqui, e fazer um outro quando estiver la ??
    pais de destino é a Espanha

    1 de julho de 2015
  • Damares Lombardo

    Oi, Damares. Tudo bem?

    Obrigada pelas dicas. Ainda tenho uma dúvida, veja se você sabe saná-la. Sou brasileira e moro na Irlanda há dois meses. Tenho visto daqui, documentação, autorização para ficar por um ano etc. Vou viajar de férias para a Itália e estou perdida quanto ao seguro de saúde. É que as empresas brasileiras não aceitam fazer meu seguro porque não sou residente no Brasil e não partirei de lá. Também não tenho como pegar o comprovante do INSS como você indicou, pois não estou no Brasil. E as empresas irlandesas que eu consultei dizem que não posso fazer o seguro porque tenho menos de seis meses de residência aqui. E aí?

    15 de julho de 2015
  • Damares Lombardo

    Damares, sobre comprovar meios de se sustentar na Itália durante a estadia. Ficarei na casa de uma amiga e ela fará a conhecida carta de hospitalidade. Eu não tenho cartão internacional e ela disse não preciso me preocupar em levar dinheiro e que vai fazer uma garantia bancária em meu nome, escreverá uma carta dizendo que se responsabilizará por todas as minhas despesas durante toda a minha estadia. Terei problemas com isso?

    20 de julho de 2015
  • Damares Lombardo

    Damares, meu marido e luxemburgués sou casada com ele no Brasil,casei em abril de 2015,minha duvida é será que vou ter problemas com a imigração em Lisboa?Já estive em Luxemburgo varias vezes ,mas sempre falava que era pra turismo,como na verdade sempre foi.
    Tenho carta convite,passagem ida e volta,cartão, copia do passaport do meu marido,mas agora falo oquê para a imigração? A verdade, pois estou indo validar meu casamento em luxemburgo.
    Tenho medo de ter algum tipo de problema.

    23 de julho de 2015
  • Damares Lombardo

    Olá,viajo para Itália em setembro a turismo com minha filha,de lá iremos para França.
    E meu marido vai com visto de estudante,podemos ir juntos ou terá algum problema,o fato de eu não falar italiano irá atrapalhar na imigração?
    Obrigada desde já!

    31 de julho de 2015
  • Damares Lombardo

    Ola bom dia. Eu atualmente moro em Barcelona,sou brasileira com dupla nacionalidade tcheca,só que meu passaporte europeu só chega em um mês. Você sberia me dizer se posso trabalhar na Espanha?quais documentos são necessários

    3 de agosto de 2015
    • Damares Lombardo

      Mayara, estou tentando tirar minha dupla cidadania, também tcheca. Poderia entrar em contato comigo para me esclarecer umas dúvidas? Meu facebook é Jean Kruta.

      2 de março de 2016
  • Damares Lombardo

    Damares, vou viajar para italia e gostaria de saber se na imigração é exigido o seguro saúde? Até onde li, entendi que não é obrigatório seguro
    Saude para viagem a italia, correto?

    3 de agosto de 2015
  • Damares Lombardo

    Olá Damares, vou viajar para Itália e não consegui o cdma! Na imigração é solicitado algum documento de seguro saúde impossibilitando a entrada no país?

    3 de agosto de 2015
  • Damares Lombardo

    Ola Damares, tenho 63 anos aposentada e tenho um sonho de conhecer o interior da França, mas o dinheiro é pouco, vc acha que devo realizar meu sonho? É possível fazer uma viagem econômica? Q dicas pode me dar?
    Obrigada

    23 de agosto de 2015
  • Damares Lombardo

    Damaris
    Li no site do consulado francês no Brasil que, para entrar na França, deve-se apresentar: a) comprovantes de hospedagem na França (reserva de hotel, contrato de aluguel ou attestation d’accueil original se a hospedagem for na casa de particulares)
    Eu aluguei um apartamento pelo site AIRBNB, para passar 20 dias em Paris, a partir da 2a quinzena de setembro, meu único comprovante é o recibo emitido pelo AIRBNB, em português ( também tenho confirmação do Anfitrião). Não tenho um contrato.
    Sabe dizer se o recibo é suficiente, mesmo em português? Haverá mesmo a exigência mencionada?
    Agradeço por qualquer outra informação relacionada a este assunto!

    2 de setembro de 2015
  • Damares Lombardo

    Se eu tiver civilizacao na italia, vale pra toda a europa ?

    15 de setembro de 2015
  • Damares Lombardo

    Olá Damares,
    Tudo bem?

    Vou viajar na próxima semana para Europa e farei um tour de 20 dias iniciando por Londres.
    Ficarei por lá durante 5 dias, tenho os comprovantes de hotel – do trem com ida para Paris ( e a volta para o Brasil por Amsterdã) uma carta em inglês da empresa informando meu período de férias, 300 libras em dinheiro ( para dividir com meu namorado) o demonstrativo de renda da empresa, holerites e cartão de credito internacional. Preciso levar alguma declaração do banco, informando o limite do cartão de credito?
    Obrigada

    23 de setembro de 2015
  • Damares Lombardo

    Bom dia, acho existe um erro de comunicação aqui no que se refere ao seguro saúde na Itália. A afirmação que na Itália não é exigência imigratória seguro saúde é uma informação equivocada. O INSS é apenas uma opção de estar assegurado, caso possa, porque milhares de brasileiros que não contribuem com o INSS não tem direito e são obrigados a fazer o seguro particular, bem como quem não quiser ter o trabalho de tirar o documento junto ao INSS, levando em conta que o seguro particular funciona muito melhor.
    Deixo copiado texto tirado do site do consulado da Itália em Recife onde consta claramente a necessidade do seguro e onde o INSS COBRE essa necessidade APENAS PARA QUEM FOR CONTRIBUINTE, não todos os brasileiros. Vou copiar e passo em outra postagem.

    22 de outubro de 2015
  • Damares Lombardo

    Texto no site do consulado da Itália em Recife que fiquei de passar. Necessidade de seguro saúde sim, INSS cobre isso apenas nos casos de quem possa e queira tirar, nem todos podem, daí é obrigado se ter o particular.

    Consolato d’Italia -Recife
    Consolato d’Italia – Recife
    Av. Eng. Domingos Ferreira, 2222 – 51020-030 – Recife (PE) – BRASILE
    Tel.: (+55 81) 3466-4200 – Fax: (+55 81) 3466-4320
    http://www.consrecife.esteri.it | e-mail: visti.recife@esteri.it
    Isenção de visto para permanência inferior a 90 dias
    no Espaço do Acordo de Schengen
    Os cidadãos brasileiros não necessitam de visto para viagens de duração inferior a noventa
    dias e que tenham fins turísticos, religiosos, negócios, desportivos ou de estudo. Brasileiros
    também não precisam de visto para trânsito em aeroportos italianos.
    É importante salientar que a isenção de visto possibilita uma permanência de até 90 dias nos
    países que fazem parte do Espaço Schengen. Contam-se, portanto, todos os dias transcorridos
    em qualquer país do Espaço Schengen até o total de 90 dias.
    Os cidadãos isentos de visto têm a possibilidade de permanecer até 90 dias a cada período de
    180 dias, a contar do primeiro ingresso em algum país signatário do Acordo de Schengen.
    A isenção de visto também se aplica a cidadãos de outros países. Ver lista completa:
    http://www.esteri.it/MAE/IT/Ministero/Servizi/Stranieri/IngressoSoggiornoInItalia/Visto_ingres
    so/Paesi_esenti_visto.htm
    Cidadãos de alguns países, todavia, necessitam de visto, tais como colombianos, peruanos,
    chineses e a maioria dos cidadãos de países africanos. Consulte a seguinte página para uma
    lista atualizada dos países cujos cidadãos precisam de visto para qualquer tipo de viagem:
    http://www.esteri.it/MAE/IT/Ministero/Servizi/Stranieri/IngressoSoggiornoInItalia/Visto_ingresso/Pae
    si_soggetti_visto.htm
    Os cidadãos brasileiros (e outros cidadãos isentos de visto) deverão apresentar à Autoridade
    de fronteira os seguintes documentos:
    1) Passaporte válido com no mínimo três meses de validade ao ingressar no Espaço
    Schengen e não tenha sido emitido ha mais de dez anos.
    2) Bilhete aéreo de ida e volta.
    3) Disponibilidade de meios financeiros que permitam ao estrangeiro transcorrer o
    período pretendido no Espaço Schengen (dinheiro em espécie, cartões de crédito,
    cartões tipo travel money, traveler’s cheque).
    4) Alojamento idôneo durante a estada comprovado mediante reservas em hotéis ou
    carta-convite preenchida e assinada em original por um cidadão legalmente residente
    na Itália (ver website do Consulado, na seção Formulários, para obter o modelo).
    5) Seguro de viagem com cobertura mínima de 30 mil euros para despesas de
    internação hospitalar de urgência e repatriação. Tal seguro pode ser obtido em agência
    de turismo e deverá ter validade até o último dia da viagem. Para cidadãos brasileiros
    que tenham contribuído ao INSS existe a possibilidade de pedir o Formulário IB-2
    emitido pela representação do Ministério da Saúde no estado de residência.

    22 de outubro de 2015
  • Damares Lombardo

    Bom dia Damares
    Devo viajar no meio de novembro para Itália para ficar 90 dias, onde irei me hospedar na casa de minha namorada que vivi la ja à 12 anos.
    Ela estando no aeroporto a minha espera para ir comigo ate a imigração ja basta,!!! Ou seja , o seguro viagem, seguro saude, cartão internacional ou dinheiro em cashe e desnecessário neste caso?
    Desde ja agradeço, abraços.

    25 de outubro de 2015
  • Damares Lombardo

    Boa noite ! tenho uma amiga q passou 3 meses aqui na europa e voltou para o Brasil e ela gostaria de volta para europa com um prozo de 3 semanas para passar mais 3 meses ė possivel fazer assim ou ela poderar ter problema com a migracao? Gostaria de obter esta informacao?obrigado.

    26 de outubro de 2015
  • Damares Lombardo

    Obrigado Damares, abraços…

    11 de novembro de 2015
  • Damares Lombardo

    Boa tarde, Damaris.
    Vou pra Irlanda em Janeiro, com visto Brasileiro mas como turista (tenho a carta convite pois ficarei na casa de um amigo). Nesse caso, é obrigatório o seguro saúde?

    12 de novembro de 2015
  • Damares Lombardo

    Bom dia, gostaria de tirar uma dúvida. Sou brasileira e há cinco anos eu estava a morar em Portugal, com visto de permanência de Portugal , e naquele período viajei para Inglaterra, com passagem de ida e volta para passar quinze dias. Eu iria ficar na casa de uma amiga portuguesa que morava lá. Viajei com 1.000€ (mil euros), cartão de crédito internacional e com seguro de saúde, mas não levei comigo nenhuma carta convite de minha amiga. Ao chegar lá, no aeroporto, eles me barraram de imediato: me levaram para uma sala, onde fui entrevistada por dois homens, nem um pouco simpáticos. Meu inglês não era lá muito bom, por isso não entendi muita coisa do que falaram. Perguntaram desde quando conhecia minha amiga, pediram-me o número de seu telefone e lhes fizeram perguntas a ver se coincidiam com minhas respostas. Ela não foi me buscar no aeroporto, eu iria de táxi para a casa dela, era perto. Eu só queria passar lá umas Freitas e conhecer o país. Depois de muitas horas presa numa sala, entendi que iria ser deportada para Portugal. Não havia voos naquele horário então me levaram para dormir atrás das grades: acreditem!! Fui para um lugar distante do aeroporto, dentro de uma viatura normal, mas por dentro havia aquela divisória com grades, fui atrás, sozinha, e na frente, um policial é uma policial. Sabia que estava havendo um engano ali, não sabia se ria ou se chorava. Chegamos num lugar que parecia uma penitenciária. Fizeram meu registo de entrada, me fizeram assinar papéis, TUDO EM INGLÊS. Ainda fui, antes de entrar na cela, numa sala com um médico para avaliar se eu teria possibilidades de cometer suicidio. Parecia um filme para mim! Fiquei tão transtornada, que nem acreditava que estava acontecendo aquilo comigo. Dormi numa cela, exatamente como uma cela que se ver nos filmes nas prisões., janela com grade, porta com aquela partizinha com grade, só havia uma cama de cimento com colchão, um banheiro pra mim é uma câmera no teto a filmar até mesmo se eu fosse ao banheiro…surreal aquilo, revoltante. No outro dia me levaram de volta para o aeroporto me colocaram num avião, seguraram meu passaporte brasileiro e quando o avião aterrizou no aeroporto, um carro preto, quatro portas foi me buscar em baixo do avião, mesmo a saída do avião e a aeromoça só entregou o meu passaporte na mão do homem que estava a minha espera. Fui levada para uma sala no aeroporto e no caminho a chorar perguntei ao senhor o por quê daquilo tudo. E o senhor me disse que os ingleses estavam a pensar que eu estava a ir para Inglaterra para arrumar trabalho. Pois foi também umas das perguntas que eles me fizeram. se eu estava a trabalhar em Portugal, e por acaso não estava. Disse para o senhor que passei a maior vergonha de minha vida. Que eu não precisava ser presa por tudo isso. Mas que é assim o sistema dos ingleses quando se refere à segurança de seu país. Eu simplesmente não poderia dormir num hotel, pois eles diriam que eu poderia fugir e ficar no país clandestinamente. Mas não admito que eles tenham o direito de nos trartar como assassinos. Porque foi assim que me senti ):

    Desculpe relatar o sucedido, mas agora, após passar 5 anos já obtive a dupla nacionalidade BRASILEIRA/PORTUGUESA e estou atualmente a morar na França , a estudar, e pretendo passar duas semanas na Inglaterra, pois uma amiga minha teve bebê e irei visitá-la. Mesmo tendo tido prometido a mim mesma que nunca mais voltava naquele país. No aeroporto, eles me fizeram assinar diversos papéis. Sei da lei do cidadao europeu, mas será que por eu ter tido aquele inconveniente terrível, haverá algum problema, neste momento também estou sem trabalhar. Graças a Deus vivo de juros, se é que me entende, (herança) mas penso agora que para os ingleses, brasileiras que não trabalham são prostitutas. Isso é muito triste, porque é isso o que parece. Preciso do quê? Na sua opinião.
    Desde já, meus sinceros agradecimentos

    15 de novembro de 2015
  • Damares Lombardo

    Boa noite, tenho que ir a França passar 20 dias na casa de meu namorado , o que devo fazer com a documentação, e se demora muito para tirar o visto

    14 de dezembro de 2015
  • Damares Lombardo

    Ola Damares,

    Estou indo para Italia, ficarei hospedada na casa de uma familia de amigos. Darei entrada na minha cidadania nesse periodo, como pesquisei muito que o processo pode levar em torno de 6 meses, comprei minha passagem de volta para dps de 5 meses da ida. Voce acredita que é um risco?

    agradeco desde ja

    15 de dezembro de 2015
  • Damares Lombardo

    Boa tarde! Primeiramente parabéns pelo site! Minha dúvida é sobre o seguro obrigatório. Eu e minha esposa vamos passar 10 dias na Itália. Temos como comprovar o 1 ano de contribuição no INSS. Temos tb cada um cartão internacional (nesses cartões não sabemos se temos seguro para viagem internacional). Mesmo assim temos que fazer um seguro por fora no valor mínimo de 30 mil euros? Obrigado!

    19 de dezembro de 2015
  • Damares Lombardo

    ola,
    eu estava interessada em viajar para a belgica e soube que nao precisa de visto mas é obrigatorio seguro saude de no minimo 30 mil euros… esse preço é realmente necessario?
    pq eu iria gastar MUITO menos na viajem 30 mil é muita coisa!

    10 de janeiro de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá Damares, boa noite! Estou indo de férias para Martinica por 18 dias e como não dava mais tempo de retirar Visto francês para ir pela Guiana Francesa(obrigatório para brasileiros) resolvi ri por Paris. Um roteiro mais longo Salvador-Paris-Fort de France. Estou com Seguro-Saúde, dinheiro, passagens de ida e volta em mãos e uma Carta-Convite de uma amiga francesa que vive lá na Martinica. Lendo alguns comentários fiquei um pouco assustada. Será que terei algum problema na imigração pelo fato de eu estar indo para Martinica? eu ficarei esperando o avião no Aeroporto mesmo…será que terei alguma dificuldade com a imigração? obrigada

    13 de janeiro de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá, Damares
    Viajarei para Portugal dia 12 e reservei hotel apenas para os dois primeiros dias pq ainda não saberemos exatamente em que cidades ficaremos, visto que meu irmão tratará de negócios também e iremos passar três dias em Ceuta. Acha que teremos problemas por isto? Devo reservar hotel para os demais dias?
    A carta convite tem que ser apresentada no original ou pode ser cópia?
    Para ir a Ceuta desembarcaremos no Marrocos e um amigo nos pegará no aeroporto. Os documentos que levaremos para a Europa servem no Marrocos?
    Agradeço sua atenção

    6 de março de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá damares!
    gostaria viajar para Italia; não tenho cidadania;mais gostaria abrir um micro empresa;ós beneficios que posso obter por isso
    não sei como me informar;vc pode me orientar ;

    Obrigada
    Ana Cecilia

    17 de março de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá Damares!
    Você sabe me dizer como eu faço para tirar o direito de dirigir na Itália?

    Att,

    21 de março de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá montei um pequeno roteiro de viagem. Pretendo passar em Portugal e depois por Bruxelas. Ao todo são 9 dias. Desço em Portugal e retorno para o Brasil por Bruxelas. Nessa caso de 9 dias é obrigatório o seguro de viagem?

    29 de março de 2016
  • Damares Lombardo

    Damares meu filho viajou hoje para Italia em lua de Mel e esqueceu de fazer o seguro de viagem , estou preocupada ele pode ser deportado ? EStamos tentando fazer por aqui e a seguradora prometeu envai a apolice ate as 10 horas da noite no email de minha nora .

    11 de abril de 2016
  • Damares Lombardo

    Damares, vou para a Irlanda agora final do mês e gostaria de saber se preciso fazer o seguro viagem saio do Brasil e faço conexão em paris e de lá dublin, e ficarei na casa de uma amiga que estuda na Irlanda, ela pode fazer essa carta para mim? E vc na Irlanda tem que ter o seguro viagem? Mesmo q eu só faça conexão na frança é obrigatório? Fico somente 10 dias por lá

    15 de abril de 2016
  • Damares Lombardo

    Boa tarde,

    eu vou para Madrid em agosto vou ficar 25 dias, para a entrada no pais eu preciso levar o comprovante de hotel, porem quero ir em outro paises da europa e depois voltar para Madrid para pegar o avião de volta para o Brasil. Eu posso levar os voucher das passagens de avião para outros paises e o comprovante de hotel dos demais locais. Ou tenho que ter um hotel com a hospedagem de 25 dias na espanha ? e outra duvida, a quantidade de dinheiro a ser levada para Madrid equivale a 25 dias na Europa toda ? ou cada vez que eu vou para um Pais diferente eu tenho que comprar a renda novamente ?

    21 de abril de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá. Tenho 18 anos, e no momento estudo de forma independente para o vestibular. Pretendo ir a Londres com uma amiga que trabalha, e já que sou estudante, ela me ajudaria com as despesas, pois para arrecadar dinheiro nós iriamos promover eventos. É possível conseguir o visto, visto que não tenho vinculo de emprego ou matricula em alguma instituição de ensino e minha renda viria desse eventos?

    Grato

    25 de abril de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá Boa tarde! Recebi uma carta convite em curso na
    Faculdade Espanha, 23 dias. Pretendo ir de avião até Porto em Portugal pois assim a passagem sairá mais barato e lá pegar um trem ou ônibus. Quanto preciso de euro para poder entrar nesses países, eu já com seguro e passagem de ida e volta e com a hospedagem já paga aqui no Brasil ? Na volta farei o mesmo percurso passando por Portugal mas já sem o mesmo q levarei. Terei problemas? Tenho cartão internacional conta estudantil. Me oriente por favor?

    27 de abril de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá Damares. Estou na França com visto de estudante e o mesmo será vencido no dia 26/06.
    Teria grande problema ficar alguns dias a mais após o vencimento ? Planejo voltar pela Alemanha.

    Obrigado.

    2 de maio de 2016
  • Damares Lombardo

    Logo, posso ficar três meses em território europeu mesmo após o vencimento do visto ?

    3 de maio de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá Damares,
    Estou indo dia 20/06 para São Petersburgo (Rússia), farei conexão em Paris por 5 horas, ou seja, nem vou sair do aeroporto, eu preciso apresentar um seguro lá? Vou ficar na Rússia por 16 dias com meu namorado, eu preciso dar o endereço dele? E quanto em dinheiro eu preciso ter? Pq não tenho tanto dinheiro assim, ele que pagará minhas despesas lá.

    22 de maio de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá, bom dia/ tarde / noite !

    Pretendo fazer um mochilão pela europa, indo e voltando de lisboa, e passando por uma série de países.

    Tenho então duas dúvidas: em lisboa (e em tds lugares possiveis) pretendo utilizar airbnb. O comprovante de estadia dele é válido no aeroporto sem problemas ?

    Outra dúvida: vou participar de um evento do landing.jobs lá (basicamente p/ procurar emprego, mas não pretendendo trabalhar la no periodo que vou ficar – ainda mais que estou empregado e viajando nas férias apenas). Isso seria um problema na imigração ?

    23 de maio de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá, Damares.
    Sou portuguesa, e quero ir a França com a minha mãe que tem 92 anos visitar um familiar e ficar lá em casa. Como não viajo faz muito tempo, estou preocupada sem saber bem o que tenho que fazer. Em relação por exemplo a Seguros de saúde, dinheiro que terei que levar por pessoa, o cartão Multibanco serve? , o bilhete de avião tenciono comprá-lo de ida e volta. Outras situações que desconheço necessárias . Agradeço desde já a gentileza da sua ajuda.
    Abraço terno
    Cecília

    4 de junho de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá estou indo pra georgia mais fiz meu seguro viagem pra Alemanha tem algum problema ?

    7 de junho de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá, como devo fazer para comprovar que tenho saldo com cartão de crédito internacional para permanência em determinado período? Basta apresentar o cartão de crédito internacional, ou devo apresentar também o extrato comprovando a suficiência de fundos? Obrigado.

    13 de junho de 2016
  • Damares Lombardo

    Oi Dâmares, boa noite!
    Li a todos os posts e ainda tenho uma dúvida. Una não, algumas.
    Quero viajar para a Itália em Janeiro e primeiramente gostaria de saber se eu começar agora a juntar toda a documentação exigida, irá dar tempo?
    Outra coisa, se eu pedir o documento junto ao INSS me tira da obrigatoriedade de fazer um seguro saúde, pois pretendo ficar só 15 dias por lá na casa de meu namorado. E não sei se vou então conseguir pagar pelo seguro.
    E por fim, como ele vai estar a minha espera no aeroporto, tenho ainda assim que apresentar a carta convite? E qnto tempo esta carta tem validade se eu pedir pra ele trazer agora em agosto, mês que ele vem para o Brasil ?
    Grata até aqui. Obrigado pela paciência.

    17 de junho de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá bom dia, estou passando alguns dias na Itália na casa de meu namorado é queremos fazer uma viagem para Paris e depois Madri, quero saber se posso entrar em outros países sem o visto

    17 de junho de 2016
  • Damares Lombardo

    Damares

    Vou ficar em Portugal 5 meses para período de mobilidade. Tenho carta de aceite e 18.000 mil na conta e renda de 3 mil. E suficiente para o consulado aprovar o Visto?

    29 de junho de 2016
  • Damares Lombardo

    Fui informada que, para passagens compradas a partir de abril de 2016, a Visa não emite o seguro do tratado de Schengen, mas um seguro viagem. Esta informação é correta?

    4 de julho de 2016
  • Damares Lombardo

    Damares, boa tarde.
    Show de bola esse espaço. Me ajudou muito, ainda mais porque em breve terei a minha primeira ida à Europa. Eu e minha esposa embarcaremos para a Itália no próximo dia 03 para ficarmos 14 dias. Já estamos com toda a documentação em mãos, faltando apenas o seguro com o INSS que iremos dar entrada amanhã (Se não der tempo, contrataremos um particular, mas não iremos sem). Temos todos os vouchers dos hotéis (ficaremos em 3 cidades diferentes), passagens dos trens, as passagens de volta e até mesmo os passeios já estão comprados. Essa quantia de 51,65 (fixo) + 36,67 (por dia) se aplica nessas condições também ? Obrigado

    19 de julho de 2016
  • Damares Lombardo

    OLA DAMARES,
    muto bom ver que você responde atentamente os comentários.
    vou para Italia no proximo mes, e ficarei na casa de amigos,
    como é muito tempo eu não acho seguro levar o valor minimo (40euros por dia) em espécie.
    qual o mínimo que devo levar? possuo cartoes de credito internacional e vou levar

    20 de julho de 2016
  • Damares Lombardo

    Oi damares estou indo para o Brasil no outro mês em agosto dia 19 estou na Europa na Alemanha quando eu voltar para o Brasil sou obrigada a ficar os três meses no Brasil? Não posso sair em agosto e voltar em outubro? porque tenho namorado aqui e fica ruim ficar longe dele por tanto tempo bjos

    23 de julho de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá Damares primeiramente quero agradecer pelo post muito explicativo , mas minha duvida é vou para Alemanha 28/09 e volto 28/11 , 2 meses…. mas vou com uma carta convite, vou ficar na casa de uma amiga alemã , mesmo ela colocando na carta que terá como me sustentar, devo comprovar algum valor para ficar nesses 2 meses ? mas claro que vou levar comigo uma quantia em Euros e cartao internacional. mas tenho medo de levar uma quantia e eles nao aceitarem pelo tempo de minha estadia . espero que responda , preciso muito saber, Obrigado 🙂

    26 de julho de 2016
  • Damares Lombardo

    Boa noite!! Em novembro, vou para Bélgica Bruxelas. Vou ficar por 3 meses como turista. Já vou com data da viagem de ida e d volta. Meu parceiro vai ficar lá por 3 anos. Com isso ele já alugou uma casa e se muda agora. Como vou ficar na casa dele. E minha dúvida é: preciso comprovar algum valor específico para o período de 3 meses? Preciso de algum seguro? Preciso de aprsentar alguma carta do local aonde eu vou ficar nesse período?? Aguardo a resposta. Grato Boa noite!! Há e parabéns pela força de poder ajudar a todos com suas dúvidas.

    13 de agosto de 2016
  • Damares Lombardo

    Damares, Boa tarde. Tenho um amigo que me fez convite para conhecer a Suíça, juntamente com meu marido, ele mora em Genebra, já está legalmente no país, ele precisa fazer a carta-convite? Para mim e para meu marido? Espero ficar em torno de 15 dias, nesse período se eu for a França e a Itália, o que é preciso levar? Obrigada pela atenção!

    4 de setembro de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá, gostei muito das suas dicas e gostaria de tirar uma dúvida, estarei viajando para Espanha( permanecia de 5 dias) com conexão de aproximadamente 12 horas em Roma, minha dúvida é em relação ao valor que devo apresentar a imigração em Roma caso seja solicitado, seria o valor de 269,60 euros ou os 580, euros que é solicitado na Espanha?

    Desde já grato!

    11 de setembro de 2016
  • Damares Lombardo

    Preciso saber se realmente é obrigatório o seguro viagem para Europa (Suiça) ou se é opcional? onde posso relamente ter certeza dessa informação.
    Desde já agradeço atenção.

    22 de setembro de 2016
  • Damares Lombardo

    Estou indo p/ Italia com conexao em Portugal. Tenho algumas duvidas e ficaria feliz se puder esclarecer.
    1. Apenas o seguro do INSS é suficiente, sem a necessidade do seguro de 30mil euros? (Ja fiz o seguro INSS pois sou contribuinte)
    2. Vou ficar na casa de parentes. A Carta convite “isenta” comprovacao de renda, ja q na mesma sera alegado q ficarao responsaveis por mim?
    3. Minha passagem de volta esta para 48 dias apos a chegada. 700 euros em especie + cartao credito International é ok? (Sera possivel q eles vao contar meu money rsrs)
    È isso, obg desde já .

    13 de outubro de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá Damares! Bem esclarecedoras suas respostas! A minha dúvida é a seguinte. Eu pretendo ir pela primeira vez à Alemanha passar uns 20 dias na casa do meu namorado. Eu gostaria de saber se é preciso eu comprovar alguma renda exata e levar o dinheiro em euros, já que ficarei hospedada na casa do meu namorado, então ele arcaria com as despesas. Sabendo eu que devo levar cartão de crédito internacional, dinheiro e seguro viagem juntamente com a carta-convite para apresentar a imigração. Meu namorado estaria me esperando no aeroporto. Eu sou funcionária pública, também gostaria de saber como fazer a solicitação do seguro pelo INSS, já que contribuo.

    13 de novembro de 2016
      • Damares Lombardo

        Olá Damares,
        Tenho uma.duvida. viajarei com.a minha irmã para a Espanha e as reservas estão no nome dela, mas não vamos no mesmo vôo. Vou imprimir as reservas tbm, você acha que terei problemas?

        6 de dezembro de 2016
        • Damares Lombardo

          Detalhe: ela chegará um pouco mais cedo que eu. Nós encontraremos no aeroporto. Outra coisa…o valor.minino diário para entrar no país já inclui o valor da diária do hotel???

          6 de dezembro de 2016
  • Damares Lombardo

    Ola boa noite.
    Estava pesquisando sobre viagend internacionais e encontrei seu site.
    Tem passaporte italiano e ano que vou passar uma temporada. Por ter cidadania italiana eu poderia comprar só a passagem de ida. Como nao sei exatamente quando irei voltar. Comprando so ida terei algum problema com a viagem???

    5 de dezembro de 2016
  • Damares Lombardo

    Olá Damares!
    Meu namorado é Belga e eu pretendo viajar para a Bélgica em Outubro ,devo ficar por la uns oito dias lá e vou ficar na casa dele.
    Gostaria de saber se mesmo assim tenho q fazer o seguro viagem?
    se eu estiver levando uns 600 Euros na carteira e necessário levar o cartão Internacional?
    Aguardo respostas !Bjs
    Vou consegui

    24 de janeiro de 2017
  • Damares Lombardo

    GOSTARIA DE SABER SE E OBRIGATÓRIO SEGURA SAUDÊ PARA LONDRES E PORTUGAL? GRATO VANETE

    25 de abril de 2017

Deixe Um Comentário