10 motivos para visitar Colônia

Quando você visitar Colônia, vai descobrir lugares históricos interessantes, pois a cidade há um passado fascinante. É um dos destinos mais visitados do país, é uma cidade alegre, jovem e com uma vida noturna muito animada com divertimento para todos os gostos e idades. Colônia é uma cidade verde, com parques por várias partes inclusive a poucos passos do centro histórico.

É considerada a cidade mais tolerante da Alemanha, com uma grande concentração de estrangeiros que vive em perfeita harmonia com os locais.
Bom, acho que só essa introdução já seria um ótimo motivo para colocar esse encantador destino na sua lista, não é verdade?

Conheça 10 motivos para visitar Colônia e depois me diz se não tenho razão:

Aachener Weiher – Este é meu parque preferido aqui em Colônia, ele fica bem central, tem um lago no meio e um biergarten (jardim da cerveja) que lota nos finais de semana nos períodos mais quentes do ano. Aqui as pessoas vêm pegar sol, correr, fazer caminhadas, tomar uma boa cerveja e fazer pic nic. Este é um dos parques mais amados pelos residentes.

E se você quiser tomar um aperitivo ou um café com glamour num parque, vai poder desfrutar desse momento no Café Schmitz, é um dos locais trendy de Colônia.

Parque Aachener Weiher em Colônia

Parque Aachener Weiher

Biergarten em Colônia

Biergarten em Colônia

Rheinpark – O Parque do Reno se estende em uma superfície de 40 hectares às margens do lado direito do rio Reno. Graças a amplos espaços, é possível praticar nele diversos tipos de atividades esportivas, além de ter um parque para crianças.

O parque foi desenhado pela primeira vez em 1912, em ocasião de uma exposição, mas em 1914 e 1928 foi restruturado ganhando dimensões maiores ainda. Quando completou 50 anos, em 2007, foi declarado como o parque mais bonito da Alemanha.

Daqui você vai ter um lindo panorama do centro de Colônia.

Parque em Colônia

Parque em Colônia

Rio Reno

Rio Reno

Flora Köln – A Flora e o Jardim Botânico no início eram áreas separadas, sendo unidas em 1920. Hoje cobrem uma superfície de 12 hectares de terreno. O design do jardim foi projetado por Carl von Linné, o botânico mais famoso de todos os tempos. Entre 1912 e 1914 o jardim encontrava-se em péssima condição econômica, a esse ponto passou em mãos da prefeitura que resolveu construir um jardim botânico anexo com dimensões de 5 hectares.

O parque foi completamente restruturado em 1987 e ao interno de seu jardim existem graciosas paisagens, cascatas e o Templo de Flora. Hoje o Jardim Botânico conta com mais de 10.000 tipos de plantas alpinas que crescem livres na parte aberta criada como ambiente da serra. O jardim conserva também uma linda coleção de magnólias, rododendros, coníferas, além de um jardim de plantas medicinais.

A entrada é gratuíta, funciona das 8h às 21h no verão, e no inverno de março a outubto abre das 10h às 16h para visitar as estufas.

No belo edifício da entrada, tem salas para concertos e shows a pagamento e um bar com mesas ao aberto no verão para tomar drinks ou um café acompanhado com doce.

O que fazer em Colônia

Jardim Botânico

Jardim Botânico

Jardim Botânico

Visitar Colônia - Jardim Botânico

Visitar Colônia – Jardim Botânico

Kölner Zoo – Talvez conhecer um zoológico não esteja em seus planos quando visitar Colônia, mas o zoo da cidade é muito bacana! Mais do que um zoológico, se trata de um parque com vários animais e atrações de diversos gêneros. Os animais ficam em ambientes bem espaçosos e são muito bem cuidados.

É um dos mais antigos zoológicos da Alemanha, fundado em 1860, representa uma grande opção de atração pra toda família. Faz parte do Patrimônio da Humanidade da UNESCO. Há 20 hectares e abriga mais de 10.000 animais de 700 países de todos os continentes e mares do mundo.

Tem também um aquário de 110 a 77.000 litros de água com peixes coloridos e muitos outros animais marinhos. Este zoo é o único santuário dos hipopotamus na Europa. Abre todos os dias das 9h às 18h no verão, e das 9h às 17h no inverno. O bilhete custa € 17,50. Encontra-se a cerca de 100m metros do Jardim Botânico.

Visitar Colônia

Visitar Colônia

Kölner Seilbahn – Visitar Colônia do alto pode ser uma experiência muito bacana. O teleférico passa por cima do Rio Reno, do Rheinpark e você vai poder avistar a linda ponte Hohenzollernbrücke, a gigante catedral Dom e muitas outras partes da cidade.

O teleférico foi inaugurado em 1957 em ocasião da bienal de horticultura alemã, o Bundesgartenschau. Foi o primeiro teleférico construído para atravessar um rio no país. Em 1963 foi completamente desmantelado e um novo surgiu em 1963 no lugar atual. É considerado o transporte mais seguro de Colônia, talvez porque nunca houve um acidente.

Funciona a partir de 20 de março até 1° de novembro das 10h às 18h. O bilhete de ida e volta custa € 6,50 – somente ida € 4,50. Endereço: Riehler Straße 180 (os pontos de partida é no zoo e no Reinpark)


seilbahnpanorama
Fonte da foto: site oficial

Schildergasse – Se você visitar Colônia, não pode deixar de bater perna na rua de compras mais movimentada da cidade. A Schildergasse é uma das ruas de compras mais visitadas da Alemanha.

Quando eu vim morar aqui, achava que toda aquela gente caminhando pra cima e pra baixo, rolava somente em alguns dias da semana tipo sexta e sábado, mas depois percebi que a rua é assim lotada todos os dias.
Você vai encontrar lojas de vários gêneros com preços abordáveis. Essa rua parte da praça Neumarkt.

Belgisches Viertel – O bairro belga é a zona cool de Colônia, onde tem galerias de artes, lojas de roupas com peças exclusivas, restaurantes e locais bem transados. Possui este nome porque suas ruas têm nomes das cidades da Bélgica. O bairro fica no centro. Fiz um post sobre o lugar bem detalhado.

Bairro Belga em Colônia

Bairro Belga

Hohenzollernbrücke – Colônia é atravessada pelo Rio Reno e, obviamente, a fazer ligação entre os dois lados da cidade, são pontes. A Hohenzollernbrücke é a ponte mais bonita de Colônia, fundada em 1911 em honra a dinastia Hohenzollern, a família que guiou a Alemanha até a revolução de 1918.
Foi bombardeada em 1945 para evitar o assalto à cidade pelos aliados, sendo reconstruída após a guerra e voltando a funcionar em 1948.

Nela não passam carros, mas apenas trem e pedestre.
Hoje é uma das pontes da Europa cheia de cadeados.

Rio Reno em Colônia

Ponte Hohenzollernbrücke

Rio Reno – Passear longo ao Reno e tomar uma cerveja gostosa às margens do rio, e depois entrar nas ruazinhas do centro histórico – a parte mais antiga da cidade – é um passeio muito agradável. E não deixe de admirar os prédinhos fofos coloridos da praça Fischmarkt.

Passeio em Colônia-Praça Fischmarkt

Passeio em Colônia-Praça Fischmarkt

Catedral de Colônia

Catedral de Colônia

Kölner Dom – É uma das catedrais mais famosas internacionalmente, afinal de contas, estamos falando da terceira igreja gótica mais alta do mundo – fiz um post dedicado totalmente a ela.

Claro que essa é apenas uma parte sobre o que fazer em Colônia, a cidade oferece muito mais!

[caixa title=”Saiba mais sobre Colônia e a Alemanha”]

[/caixa]

Damares está dentro do mundo de viagens desde 1987. Morou em Milão de 1990 a 2014, quando se transferiu para cidade de Colônia, na Alemanha. No momento vive na linda região de Lisboa, pertinho do mar! Aproveita sempre da facilidade de viajar pela Europa, conhecendo vários países nesse maravilhoso continente!

contato1@keviagem.com

Nenhum Comentário

Deixe Um Comentário